Eu deixo enrolar!

Postado por A Diabinha | | | 1 comentários »

Já cansamos de dizer que quem tem cachos deve ter orgulho deles e mostrá-los por aí, mas concordamos que nem sempre é fácil assumir os cachos. No entanto, tratá-los bem não é nenhum bicho-de-sete-cabeças, é só seguir algumas dicas – e aqui vão mais algumas delas.




Antes de escolher como tratar dos cabelos, é necessário saber como é seu cabelo. Seu fio é fino ou grosso? Seus cachos são abertos ou fechados? Seus cabelos são crespos? Você tem química nos cabelos?



Entender seu cabelo é o primeiro passo para mantê-los saudáveis.





Bem, estamos acostumadas a usar shampoo frequentemente, e isso acaba com os cabelos. Por quê? Na composição desses produtos são encontradas substâncias que agridem gradativamente os fios. São os sulfatos, parafina, derivados do petróleo, silicones insolúveis... enfim, uma variedade de substâncias que com o tempo detonam os cabelos.

E não é só no shampoo que encontramos essas substâncias, a maioria dos produtos que encontramos possui esses agentes do mal .

Muitas pessoas estão aderindo a técnicas como o low-poo (pouco shampoo) e o no-poo (sem shampoo) .

O low-poo consiste em utilizar o shampoo de forma reduzida, poucas vezes, e geralmente só na raiz, e somente shampoo liberado. O condicionamento dos fios é feito com produtos liberados (livres dos agentes do mal), assim como as hidratações e finalizações.

Já o no poo, é abolido de vez o shampoo, aplicando apenas condicionador, com massagens no couro cabeludo. E depois, todo o processo normal de condicionamento, hidratação e finalização (somente com produtos livres dos agentes).


Nessas técnicas, é somente permitido produtos listados , livres das substâncias já citadas.


Com isso os cachos tendem a ficar mais definidos, com volume reduzido, e sem frizz.

Peoples... Libertem os cachos!


1 comentários

  1. Nessa // 5 de novembro de 2009 02:59  

    Olhe um lugar legal para comprar produtos para beleza inclusive para quem tem belos cachinhos, é uma loja virtual e atende a todo o Brasil, eu recomendo.

    www.cosmeshop.com.br

    Veja também o que escreveu um renomado cabeleireiro conhecedor dos produtos, além das modelos que utilizaram os produtos:

    www.descabelado.blogspot.com

Postar um comentário

"Eu gosto de viver. Já me senti ferozmente, desesperadamente, agudamente infeliz, dilacerada pelo sofrimento, mas através de tudo ainda sei, com absoluta certeza, que estar viva é sensacional." (Agatha Christie)
Comentem!*